Extroversão Introversão Vida

Ambivertido: 10 sinais de que você é um introvertido extrovertido

Ambivertido: 10 sinais de que você é um introvertido extrovertido
Escrito por Marta Leite
Ambivertido é um termo usado para denominar pessoas que são introvertidas extrovertidas. Essas pessoas encontram-se no meio do continuum entre a introversão e a extroversão. Sendo assim elas possuem características tanto de introversão quanto de extroversão. Se este é o seu caso aqui vão 10 sinais para ajudá-lo a se entender melhor.

Se você é ambivertido, ou seja, um introvertido extrovertido como eu, você sabe como isso é confuso para as pessoas. Todo mundo espera um introvertido ser tímido e recluso. E nós podemos ser, mas introvertidos extrovertidos também gostam de sair e se misturar. Quando estamos “on”, somos sociáveis e amigáveis. Quando estamos “off”, temos pressa para ir para casa para recarregar as baterias na nossa solidão.

Alguns artigos descrevem-lo com precisão assustadora: você gosta de passar o tempo sozinho, você prefere ambientes calmos, muitas vezes você pensa e reflete profundamente, e você prefere enviar mensagens do que fazer chamadas. No entanto, outros artigos não ressoam com você em tudo: você não se senta sozinho em casa todo fim de semana assistindo Netflix em seu pijama e você realmente curte festas ocasionais. Você começa a se perguntar, eu sou realmente um introvertido?

Resumindo: se você precisa de tempo de inatividade após socializar, você provavelmente é um introvertido. O que você realmente é, é um ambivertido.

Introversão e extroversão não são preto e branco. Pense em um continuum com introversão em uma extremidade e extroversão no outro. Algumas pessoas caem mais perto do fim introvertido, enquanto outros estão perto do meio. Na verdade, há uma palavra para essas pessoas do meio-do-caminho: ambivertidos. Um ambivertido é alguém que exibe características de ambos, introversão e extroversão.

Você é um introvertido extrovertido (ou um ambivertido)? Aqui estão 10 sinais de que você pode ser:

1. O seu nível de energia está intimamente ligado ao seu ambiente.

Você é sensível à forma como o seu entorno aparenta, que tipo de música está sendo tocada, quantas pessoas estão presentes e o nível de volume da sala. O ambiente de um bar ou restaurante pode energizar ou drená-lo, dependendo de quanto o lugar se adapta às suas preferências. Dessa forma, um concerto de rock barulhento em um estádio lotado pode ser esmagador, mas em um concerto acústico em um local intimista, você pode relaxar.

2. Você acha as pessoas tanto intrigantes quanto desgastantes.

Observar pessoas? Sim. Conhecer novas pessoas e ouvir suas histórias de vida? Fascinante. Gastar cada moite de fim de semana saindo com um grupo diferente de amigos? Sem chances. Hà uma medida para o tanto quanto você gosta de pessoas, tanto quanto você pode suportar a socialização antes de precisar de tempo de inatividade. Depois de um fim de semana ocupado ou um longo dia de trabalho, você sente a necessidade de desaparecer e recarregar estando sozinho ou com apenas uma outra pessoa (um melhor amigo, um companheiro de quarto de confiança ou outra pessoa significativa para você).

3. Certas pessoas e interações o drenam, enquanto outras realmente recarregam você.

Você tem alguns amigos com os quais você poderia sair praticamente para sempre. Parece que você nunca esgotaria os assuntos para falar e estar com eles é simplesmente fácil. Você realmente se sente melhor depois de passar tempo com eles, não drenado. Outras pessoas acabam lhe cansando ou aborrecendo e você precisa fugir. Estar sozinho é melhor do que se contentar com uma companhia de segunda categoria.

4. Você pode ser encantador, mas também profundamente introspectivo e reflexivo.

Você faz conversa fiada quando lhe é esperado porque você sabe que pode levar isso a uma mais profunda e autêntica conversa. As pessoas se sentem confortáveis em torno de você, e você terá facilmente os outros falando abertamente sobre si mesmos. Quando você sair em uma noite de sábado, você quer estar certo de que seus amigos passem bons momentos. No entanto, a maioria das pessoas não percebem como “em sua cabeça” você realmente é. Embora você pareça tranquilo e eloquente, dentro da sua mente muita coisa está sempre acontecendo.

5. Quando você se sente descansado e recarregado, você vai até os outros.

Muitas vezes você é o único que recebe todos os seus amigos juntos no fim de semana. Ou talvez você organize o happy hour semanal depois do trabalho ou festas em sua casa. Bancar o anfitrião permite você socializar em seus próprios termos. Você começa a definir os parâmetros, como o tempo do início do evento, onde isso vai acontecer e quem é convidado. Mas quando você estiver se sentindo drenado, como um verdadeiro introvertido, você irá silenciosamente hibernar em casa. Isto é quando coisas tipo Netflix + pijamas fazem sentido.

6. Você precisa de tempo para se aquecer em situações sociais.

Mas uma vez que você se sinta confortável com alguém, você não tem problemas para bater papo. Da mesma forma, você não vai contar toda a sua história de vida a alguém dentro da primeira meia hora em que você encontrá-lo, mas você vai revelar detalhes pessoais quando a confiança for construída. Quanto mais alguém te conhecer, mais a sua personalidade peculiar (e seu mundo interior – a parte acalentada de você que se sente mais autêntica) sai.

7. Realmente custa menos energia dizer o que está em sua mente do que conversar futilidades.

Os introvertidos gostam de falar sobre ideias ou se conectar autenticamente. Conversa fiada aborrece você e drena sua força vital.

8. Você é seletivamente social.

É difícil encontrar pessoas com as quais você se afine, assim você só tem alguns amigos íntimos. Mas você está bem com isso. Você prefere usar a sua contagem limitada de energia por “pessoa”, investindo-a em relacionamentos que são verdadeiramente gratificantes.

9. Você não tem nenhum interesse em tentar provar a si mesmo em uma multidão de estranhos.

“Se exibir” não é seu estilo. Nem você sente a necessidade de chamar muita atenção para si mesmo. Você está contente ficando fora do centro das atenções em uma festa, conversando com apenas uma ou duas pessoas.

10. Você é muitas vezes confundido como sendo uma pessoa extrovertida.

Seus amigos e familiares não compram a ideia de que você é um introvertido, porque você é bastante sociável. Na verdade, eles podem ter levado um tempo até perceber que você é um introvertido, porque você banca o extrovertido muito bem. Agora você está constantemente tendo que explicar a sua introversão e como você obtém sua energia, mas as pessoas ainda não o entendem.

E você, é um extrovertido, introvertido ou ambivertido?


Sua introversão tem afetado de alguma forma a sua vida, seja nas suas relações, família ou trabalho?

Gostaria de saber mais sobre a introversão e suas características?

Tem dúvidas ou sugestões?

Escreva-me pois eu posso ajudá-lo. Pergunte-me como enviando um email para introvertidamenteblog@gmail.com.


Esse artigo foi útil para você? Se foi, pode ser para outras pessoas também. Curta e compartilhe!


Traduzido e adaptado de Introvert, Dear – introvertdear.com

Queremos fazer o melhor para você. Deixe aqui a sua avaliação do nosso conteúdo!

Sobre o autor

Marta Leite

Marta Leite
Eu sou uma mãe, esposa, Life e Business Coach. Uma introvertida intuitiva – INFJ - dos Tipos Junguianos. Uma apaixonada, entusiasmada e curiosa pelo Desenvolvimento Humano.

Deixe aqui o seu comentário!

Comentários

  • Eu vi alguns sites e estou começando a pensar que sou ambivertida, mas eu sou tímida, então eu não sei porque acho que a maioria das características eu tenho, menos o de ir a baladas, festas e as pessoas pensarem que eu sou extrovertida, mas só teve uma festa que eu consegui me soltar e era porque era da minha amiga e eu estava com minhas amigas. Não sei, as festas que tem minhas amigas, eu me solto, pode ser que eu seja ambivertida só que tímida 🙂

     
Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d bloggers like this: