5 razões pelas quais introvertidos gostam de ficar sozinhos

Para introvertidos, o tempo sozinho é uma necessidade da qual eles não podem prescindir. O que esse tempo representa para eles? Leia e entenda!

O mundo chega a ser demais às vezes, difícil de acompanhar. Se não formos cuidadosos o suficiente, seremos definidos por prazos, horas em que estamos presos no trânsito e corremos para lugares para tratar de nossas incumbências. É agitado, barulhento e vertiginoso, especialmente para introvertidos. Nós o encorajamos a escapar, relaxar e respirar. Aqui compartilhamos com você 5 razões pelas quais os introvertidos gostam de ficar sozinhos:

1. Eles exigem noites tranquilas em casa para recarregar.

Os introvertidos não gostam apenas de ficar sozinhos; eles exigem isso. Segundo o Dr. Marti Olsen Laney, autor de The Introvert Advantage, o componente biológico que diferencia introvertidos de extrovertidos é a sua sensibilidade à dopamina. A dopamina é um neurotransmissor no cérebro que regula seu prazer e excitação. Extrovertidos são estimulados por níveis mais altos de dopamina. Consequentemente, é por isso que eles gostam de buscar sensações e correr riscos.

Os introvertidos, por outro lado, não exigem os mesmos níveis de excitação. Na verdade, eles os acham mais opressivos do que agradáveis, então procuram um tempo de silêncio suficiente para recarregar as baterias após um longo dia. É por isso que os introvertidos nunca devem se sentir culpados por recusar convites para festas, se precisarem se aconchegar na cama com um bom livro ou filme.

2. Eles gostam de refletir e esvaziar seus pensamentos.

Os introvertidos podem não expressar muito pessoalmente, especialmente se tiverem que sentar em uma sala cheia de pessoas todos os dias na escola ou trabalhar em um ambiente extrovertido. Como resultado, muitos pensamentos podem passar pela cabeça ao longo do dia. Quando os introvertidos, especialmente os ansiosos, finalmente têm tempo para relaxar no final do dia, geralmente gostam de refletir sobre seus eventos diários, seja escrevendo um blog, diário ou expressando seus pensamentos de outra forma criativa. Os introvertidos geralmente têm o hábito de internalizar seus problemas; portanto, precisam de uma maneira de liberá-los de uma maneira natural e saudável. É por isso que o tempo que passam sozinhos é crucial, pois permite descarregar, processar e resolver problemas de maneira eficaz.

Para você manter sua mente calma, fortalecer sua autoconfiança e sentir-se bem na sua própria pele.

Conheça os nossos cursos na UDEMY!

Curso Autoestima na Prática

Construindo Uma Autoconfiança Verdadeira em Passos Simples

Como Alterar Pensamentos Que Geram Sofrimento

Slider

3. Eles podem encontrar satisfação no silêncio ou em boa música sem ter que se preocupar em conversar.

A profundidade das conversas é importante para os introvertidos. Mas, na maioria das vezes, as conversas superficiais podem atrapalhar isso e acabam com o desejo de participar. Além disso, também costuma haver uma pressão social para que as pessoas preencham as lacunas, mesmo quando não sabem o que dizer. Os introvertidos, no entanto, se sentem confortáveis ​​com o silêncio e não sentem vontade de fazer comentários desnecessários, se não trazem estímulo ou significado à conversa. É por isso que ter seu tempo sozinho é importante para eles. Eles podem desfrutar do silêncio da natureza ou ouvir boa música sem estar perto de um bate-papo superficial.

4. Afastar-se dos outros lhes dá a liberdade de serem quem são, sem sentir a pressão para mudar.

Viver em um mundo predominantemente extrovertido pode ser cansativo para um introvertido. Às vezes, é bom desligar um pouco, recuar e fazer o que ama sem ser julgado por outras pessoas. Os introvertidos valorizam seu espaço e liberdade, porque é equivalente a ar e movimento. Quando as coisas começam a parecer muito congestionadas e excessivamente estimulantes, especialmente para quem mora em cidades grandes e movimentadas, a solidão os impede de se sentirem esgotados. Isso faz com que se sintam menos solitários, em vez de se sentirem excluídos e incompreendidos por indivíduos extrovertidos que não conseguem se identificar com suas necessidades.

5. Ter tempo sozinho é essencial para a saúde mental.

Quando os introvertidos não têm tempo suficiente sozinhos, isso começa a afetar sua saúde mental. Os sintomas incluem: problemas para dormir ou comer, resfriados frequentes, dores de cabeça, dores nas costas ou alergias, irritabilidade, dificuldade em se concentrar e tomar decisões, sentir-se preso e achar a vida sem sentido, exaustão e se sentir desconectado do seu eu habitual. É melhor manter esses sinais em mente e fazer check-in com frequência quando não estiver se sentindo bem. Embora seja fácil nos deixar levar pelas responsabilidades cotidianas que exigem que constantemente mostremos sorrisos e performances, a saúde nunca deve ser colocada em segundo plano. Sempre reserve tempo para priorizar seu bem-estar. O mundo pode esperar.

Fonte: 5 Reasons Why Introverts Enjoy Being Alone

Imagem de Eli DeFaria no Unsplash

Quer compreender mais acerca de si mesmo?

Clique aqui para baixar GRATUITAMENTE  agora mesmo o seu e-Book!

A sua introversão traz algum tipo de bloqueio para a sua vida pessoal ou profissional?

Eu sou uma Humanistic Professional Coach IHCOS®, e eu ajudo introvertidos, criativos, e pensadores profundos auxiliando-os a conhecerem a si mesmos, desenvolverem autoestima, capitalizarem as suas forças pessoais e aprenderem  a como florescer em uma cultura amplamente extrovertida. Clique aqui para saber mais!

Gosta do nosso conteúdo?

Assine agora e receba mensalmente as atualizações do nosso site!

I agree to have my personal information transfered to MailChimp ( more information )

Nós não negociamos endereços de email! Você poderá sempre cancelar a sua subscrição!

Anúncios