8 Diferenças importantes entre introversão e ansiedade social

Introversão e ansiedade social ainda são bastante correlacionadas. Embora elas partilhem algumas características, elas não são a mesma coisa. Você sabe qual delas é a sua? Descubra lendo o nosso artigo!

8 Diferenças importantes entre introversão e ansiedade social

Introvertidos têm ganho um espaço mais do que merecido – e já atrasado – nas mídias sociais. Mas, ainda existem muitos mal-entendidos sobre o que é na verdade a introversão. Não são raros os equívocos que eu encontro nos diversos textos espalhados pela internet. Um dos equívocos mais comuns é o que equipara introversão com ansiedade social social.

Qual a razão para isso?

Ambas as condições se caracterizam pelo distanciamento de grandes multidões, preferência pela solitude e uma aversão à conversas pequenas e interações sociais desnecessárias. No entanto, as duas mentalidades são realmente muito diferentes. Embora alguns introvertidos possam sofrer de ansiedade social, existem tantos quantos não têm nenhum vestígio. Da mesma forma, muitas pessoas socialmente ansiosas são realmente extrovertidas mal interpretadas.

Para você manter sua mente calma, fortalecer sua autoconfiança e sentir-se bem na sua própria pele.

Conheça os nossos cursos na UDEMY!

Curso Autoestima na Prática

Construindo Uma Autoconfiança Verdadeira em Passos Simples

Como Alterar Pensamentos Que Geram Sofrimento

Slider

Tem dúvidas sobre onde você se encaixa? Aqui estão oito formas de discernir entre os dois:

  1. A ansiedade social interfere com a capacidade de alguém funcionar de forma eficaz no mundo.

Introversão não. Na verdade, alguns dos pontos fortes associados à introversão podem até aumentar a capacidade de uma pessoa para ter sucesso social e profissional.

  1. A ansiedade social pode manifestar-se em mecanismos de não-enfrentamento – evitação ou a retirada das situações que causam ansiedade.

Embora os introvertidos também possam participar desses comportamentos, não há um sentimento subjacente de medo ou resposta de luta ou fuga que os leva a fazê-lo. É uma preferência pessoal, ao invés de uma estratégia de sobrevivência.

  1. As pessoas socialmente ansiosas muitas vezes percebem – correta ou incorretamente – que não serão aprovadas pelo escrutínio dos outros.

Os introvertidos não experimentam essa sensação mais do que um extrovertido.

  1. A ansiedade social é frequentemente associada ao perfeccionismo, enquanto a introversão não é.

Na verdade, os introvertidos muitas vezes mais complacentes com suas próprias falhas e insucessos do que suas contrapartes extrovertidas.

  1. Não é provável que os introvertidos cedam à pressão social por causa da aceitação.

Eles simplesmente deixarão a situação. Aqueles que sofrem de ansiedade social, no entanto, são altamente suscetíveis à pressão dos pares. Eles são muito mais propensos a adotar um comportamento que eles não gostam ou entendem para se adequar e obter a aprovação de um grupo.

  1. Pessoas que sofrem de ansiedade social temem não “se encaixar”, ou ser revelado como não sendo bom o suficiente.

Os introvertidos não experimentam esse agudo senso de medo.

  1. A ansiedade social demonstra um forte foco na apresentação, desempenho e percepção.

Essas coisas são menos importantes para um introvertido, que é mais inclinado a tomar conhecimento do conteúdo, intenção e substância.

  1. Introversão é um traço de personalidade inata.

Se você for introvertido, você provavelmente terá sido assim sua vida inteira.

A ansiedade social, no entanto, é muitas vezes o resultado de estresse ou trauma. Se você sofre desta condição, você pode ter sido extrovertido e dirigido socialmente durante sua infância. Você pode mesmo identificar o tempo – e o motivo – em sua vida quando você começou a sentir desconforto social.

Vejo você no próximo!

Abraços introvertidos!

Marta Leite

Quer compreender mais acerca de si mesmo?

Clique aqui para baixar GRATUITAMENTE  agora mesmo o seu e-Book!

A sua introversão traz algum tipo de bloqueio para a sua vida pessoal ou profissional?

Eu sou uma Humanistic Professional Coach IHCOS®, e eu ajudo introvertidos, criativos, e pensadores profundos auxiliando-os a conhecerem a si mesmos, desenvolverem autoestima, capitalizarem as suas forças pessoais e aprenderem  a como florescer em uma cultura amplamente extrovertida. Clique aqui para saber mais!

Gostou do que você está lendo? Assine aqui a nossa newsletter exclusiva.

Não enviamos spams.