Introvertido, sim. Desprovido de habilidades sociais, não!

Introvertido, sim. Desprovido de habilidades sociais, não!

Introversão não significa que você é tímido ou socialmente desajeitado. Aqui vão 5 dicas para quem deseja aprimorar as suas.

De fato, introvertidos que desfrutam de suas vidas sociais podem ter as mesmas habilidades sociais, se não melhores, do que extrovertidos.

A introversão não é uma boa desculpa para a falta de habilidades sociais. A noção de que apenas extrovertidos podem ter boas habilidades com as pessoas baseia-se na premissa errada de que você precisa obter energia das interações sociais para ter habilidades sociais. É uma crença falsa. Suas habilidades sociais dependem de você praticá-las, não do fato de você recarregar quando passa tempo com outras pessoas.

Se você deseja desfrutar de uma vida social satisfatória, é essencial dominar as habilidades sociais mais importantes. As habilidades sociais desenvolvidas ajudarão você em praticamente todos os aspectos da sua vida, pois você não pode realizar muitas coisas sem a ajuda de outras pessoas.

5 habilidades e qualidades sociais que todo introvertido deve dominar

Qualquer pessoa pode aprender habilidades sociais. Se você quer melhorar o seu departamento de habilidades sociais, aqui estão cinco coisas que você deve aprender e dominar para ter uma vida social satisfatória.

1. A arte da conversação

As habilidades de conversação são uma das habilidades mais importantes que você pode dominar em sua vida. Eu já abordei isso aqui no artigo como iniciar uma conversa casual e transformá-la em um bate-papo interessante.

Para lembrá-lo rapidamente, a chave é fazer várias perguntas relacionadas às coisas sobre as quais você gostaria de falar. Em vez de falar sobre os tópicos mais comuns (e chatos), como família ou clima, seja o líder na conversa e conduza-o na direção certa.

Antes de sair de casa para se socializar, é uma boa ideia fazer um brainstorming sobre tópicos de conversação. Se você tiver algumas perguntas em mãos, será mais fácil conversar com alguém.

Por exemplo, se você estiver participando de um evento sobre Yoga, pense nas perguntas que pode fazer às pessoas interessadas. Eles provavelmente não estarão interessados ​​em falar sobre motocicletas, mas provavelmente apreciarão tópicos relacionados à saúde, fitness e espiritualidade. Ao preparar algumas perguntas relacionadas a esses problemas, você pode ter uma conversa sem estresse que rapidamente levará à descoberta de interesses comuns.

Ao falar com pessoas recém-encontradas, preste atenção para não compartilhar demais. Alguns introvertidos tendem a pular conversa fiada e pular direto para tópicos profundos. Algumas pessoas podem considerar essas questões muito particulares para discutir com estranhos.

Para evitar falar sobre tópicos sensíveis ou desconfortáveis, ofereça informações voluntárias primeiro. Se uma pessoa com quem você estiver conversando não compartilhar sua experiência, altere o tópico. É uma sugestão de que o tópico é muito sensível a ela (ou ela não está com disposição para falar sobre isso).

Para você manter sua mente calma, fortalecer sua autoconfiança e sentir-se bem na sua própria pele.

Conheça os nossos cursos na UDEMY!

Curso Autoestima na Prática

Construindo Uma Autoconfiança Verdadeira em Passos Simples

Como Alterar Pensamentos Que Geram Sofrimento

Slide 3
Slide 2
Slider

2. Ser autoconfiante

A autoconfiança não é apenas uma habilidade social importante, mas também uma das habilidades de sucesso mais importantes. Muitos introvertidos não possuem essa habilidade e explicam sua falta devido à sua natureza introvertida. Eles não podem estar mais errados.

Existem muitos introvertidos conhecidos que são extremamente autoconfiantes. Eles podem ser atores, oradores, músicos e políticos. Muitos autores de best-sellers também são introvertidos, mas não evitam as oportunidades de se promover.

Os introvertidos geralmente ficam tímidos porque se isolam das outras pessoas por longos períodos de tempo. Se você nunca sair da sua zona de conforto, certamente desenvolverá baixa autoconfiança.

A autoconfiança não pode ser ensinada lendo um livro. São as ações – enfrentando seus medos – que fazem de você uma pessoa segura de si. O hábito regular de sair da sua zona de conforto o ajudará a se tornar uma pessoa mais confiante.

(É introvertido e quer melhorar sua autoconfiança? Temos aqui um curso para si – Curso Online Autoestima na Prática: Construindo Uma Autoconfiança Verdadeira em Passos Simples)

Se você luta para fazer novos amigos, estabeleça como meta falar com pelo menos um estranho todos os dias (Para saber mais, leia aqui o artigo 7 Dicas Para os Introvertidos Fazerem Mais Amizades de Alta Qualidade). Depois de cinquenta ou mais conversas com estranhos, você terá muito mais autoconfiança.

Se você tem medo de falar em público, coloque-se em situações em que precisa falar com um grupo de pessoas. Novamente, cinquenta ocasiões definitivamente aumentarão sua autoconfiança.

3. Ser descontraído

As pessoas socializam por uma ampla variedade de razões, mas a maioria delas tem uma coisa em comum – elas querem se divertir. Pessoas relaxadas não têm dificuldades para fazer amigos, ao passo que ninguém gosta de um amigo que leva tudo a sério.

A capacidade de levar as coisas de ânimo leve o ajudará a lidar com a rejeição, que é uma parte inerente da socialização. Ao não levar nada para o lado pessoal, será difícil você se sentir insultado. Isso tornará mais fácil lidar com pessoas irritantes e ajudará a evitar conflitos desnecessários.

Se você é legal, calmo e organizado, as interações sociais serão muito mais fáceis. As pessoas recém-encontradas se interessarão em conhecê-lo melhor e seus amigos vão adorar passar um tempo com você.

Além dos efeitos negativos para a saúde, se preocupar muito com tudo o transformará em uma pessoa que tem dificuldade em abandonar emoções negativas. Esses sentimentos afetarão sua capacidade de se abrir, se divertir e se apresentar aos outros como um amigo em potencial divertido e descontraído.

4. Ser positivo

Você conhece alguma pessoa que procure ativamente pessimistas para adicionar à sua lista de amigos?

Ninguém gosta de uma pessoa tipo baixo-astral. Se você é um deles, espere que o processo de fazer amigos seja muito mais difícil (a menos que você se inscreva em um clube de resmungões ou onde quer que pessoas negativas gostem de se socializar).

A felicidade é um estado de espírito que todos podem desenvolver – independentemente do status social, dinheiro, raça, gênero, idade e assim por diante. 

O otimismo não apenas ajudará você a fazer novos amigos, mas também mudará sua vida para melhor. É um clichê dizer que o mundo dá exatamente o que você dá a ele, mas é verdade, no entanto.

Preste atenção aos seus pensamentos e palavras. Se você se queixar com frequência quando fala com outras pessoas, as desencoraja de interagir com você. Seja positivo e faça amizade com outras pessoas positivas.

5. Empatia

O primeiro passo para desenvolver mais empatia é tornar-se mais consciente de seus próprios sentimentos. Depois de nomear suas emoções e descrevê-las, será mais fácil sintonizar os sentimentos de outras pessoas e reagir à elas.

As pessoas dizem coisas para provocar uma reação específica de você. Se sua reação responder à emoção subjacente, eles ficarão satisfeitos com a conversa.

Para dar um exemplo, se uma amiga compartilhar com você que deseja comprar um carro novo e falar sobre os carros que está considerando, provavelmente ela está pedindo uma opinião. A emoção subjacente dela é a incerteza. Reaja dizendo a sua opinião e tentando ajudá-la a tomar a decisão certa, para que ela não se sinta mais incerta sobre sua escolha.

Se alguém está lhe contando o dia dele ou as coisas que ele quer fazer amanhã, tudo o que ele quer pode ser alguma atenção de outras pessoas. Simplesmente ouvindo-o e perguntando sobre sua vida cotidiana, você o fará sentir que se importa com ele.

E você, gostaria de acrescentar aqui mais alguma dica de habilidades sociais para introvertidos?

Espero que você faça um bom proveito deste artigo. Deixe aqui a sua opinião ou sugestão.

Vejo você na semana quem vem!

Marta Leite

A sua introversão traz algum tipo de bloqueio para a sua vida pessoal ou profissional?

Eu sou uma Humanistic Professional Coach IHCOS®, e eu ajudo introvertidos, criativos, e pensadores profundos auxiliando-os a conhecerem a si mesmos, desenvolverem autoestima, capitalizarem as suas forças pessoais e aprenderem  a como florescer em uma cultura amplamente extrovertida. Clique aqui para saber mais!

Gosta do nosso conteúdo?

Assine agora e receba mensalmente as atualizações do nosso site!

I agree to have my personal information transfered to MailChimp ( more information )

Nós não negociamos endereços de email! Você poderá sempre cancelar a sua subscrição!

0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe aqui o seu comentário!